Como aplicar o método canvas na sua empresa?

Para estruturar a sua empresa há uma ferramenta muito eficiente que é o método canvas. Uma pessoa que deseja abrir seu próprio negócio, portanto, se pergunta se será possível e também surgem dúvidas a respeito do que deve ser feito para abrí-lo.

Para que seu negócio continue funcionando, não basta apenas oferecer um produto ou serviço de qualidade. É muito importante saber a maneira de administrar os seus negócios, tendo um planejamento para eles. É aconselhado, então, criar esta estratégia antes da abertura da empresa.

Como também é válido para o negócio que já está em andamento e não possui um planejamento, pois sempre é tempo para desenvolvê-lo. É muito importante, portanto, saber o que é o modelo canvas, suas etapas e como aplicá-lo na sua empresa.

 

             O que é o Método Canvas?

Esse modelo tem como objetivo descomplicar e desburocratizar a estratégia de gestão de projetos convencionais. Ele permite substituir páginas, documentos ou planilhas que já não funcionam mais na prática. realiza-se por meio de um mapa visual de fácil administração.

Esse método apesar de ser usado por grandes organizações é indicador de sucesso também para as empresas de médio porte e startups. Isto porque concentra pontos importantes para o desenvolvimento de quem está iniciando ou possui poucos recursos.

A sua funcionalidade eficaz está na sua praticidade. Ele substitui o plano de negócios em modo de documento escrito para gráficos, tornando fácil a visualização.

Utiliza-se muito em mural ou quadros. O esquema modelo canvas consiste numa divisão de nove partes e cada uma delas é referente a um aspecto da empresa.

Um responsável é encarregado de criar o plano de negócios e determinar o que apresentará em cada uma. Desse modo há a possibilidade de visualizar melhor o funcionamento do negócio, identificando o que pode se alterar ou melhorar na ideia original.

 

                As nove etapas do Modelo Canvas

nove etapas do método canvas

 

    O canvas é um mapa visual que contém nove blocos, são eles:

 

  1. Proposta de valor – O que a empresa oferecerá para o mercado que na verdade terá valor para o cliente;
  2. Segmento de clientes – qual será o público -alvo que a empresa quer atingir;
  3. Os canais – de que forma o cliente comprará e receberá seu serviço ou produto;
  4. Relacionamento com clientes – qual será a maneira para a empresa se relacionar com cada segmento de cliente.
  5. Atividade -chave – Para entregar a Proposta de Valor quais serão as atividades possíveis;
  6. Recursos principais – para realizar as atividades-chave quais recursos serão necessários;
  7. Parcerias principais – são os recursos obtidos fora da empresa e as atividades -chave feitas de modo terceirizados;
  8. Fontes de receita – são as maneiras de adquirir receita através de propostas de valor;
  9. Estrutura de custos – Para a estrutura funcionar quais são os recursos necessários.

 

              Como aplicar o Método Canvas na sua empresa?

 

É aconselhável ter um grupo de profissionais como gestores e colaboradores da empresa para usar o método canvas.

Se o objetivo do negócio for uma  mudança é ainda mais fundamental que exista um grupo bastante misto para desenvolver o novo plano de negócios com colaboradores de diversos setores.

Dessa maneira nenhuma área deixará de participar do que foi proposto. Fazer o acompanhamento das transformações que estão acontecendo é muito importante.

A visualização do quadro de negócios ajuda a compreender o trabalho que cada pessoa faz, melhorando o desempenho da equipe.

Sendo assim, aplicar este método na sua empresa pode ajudar muito na organização das atividades, economizando tempo que poderia ser desperdiçado, contribuindo para que sua empresa evolua cada dia mais.

 

 

Add comment: